Segunda, 01 Junho 2015 10:04

Nova União faz campanha de combate à automedicação

Publicado por
Avaliar
(0 Votos)

Projeto Não Automedicação01Lançamento da campanha, na manhã de sexta-feira, 29 de maio

Uma ruidosa campanha de combate à automedicação foi lançada na manhã desta sexta-feira, 29 de maio, em Nova União. A iniciativa denominada “Projeto Não Automedicação” é desenvolvida pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsau) e concretizada pelos Agentes Comunitários de Saúde, da Estratégia Saúde da Família (ESF). De acordo com Renata Martins de Mendonça, secretária Municipal de Saúde, a campanha vai até o dia 30 de junho.

Projeto Não Automedicação02A equipe com as urnas para receber as doações da população

Projeto Não Automedicação03Detalhe das urnas: "Automedicação Ninguém Merece"

Após concentração no novo prédio da Unidade Básica de Saúde (UBS), nas proximidades de Prefeitura, os agentes saíram pela cidade para orientar moradores sobre os perigos da automedicação, distribuir sacolas para coleta de medicamentos e distribuir urnas por pontos estratégicos da cidade para que as pessoas depositem suas doações de medicamentos dentro do prazo de validade ou vencidos. A campanha é coordenada pela enfermeira Laodicéia Gonçalves Santos, gerente da Atenção Básica e pelo farmacêutico Marlon Dyeizon de Oliveira Barbosa.

Projeto Não Automedicação04Enfermeira Laodicéia e secretária Renata mostram exemplar das sacolas que foram distribuídas em Nova União

 

Onde estão as urnas?

Nove urnas foram distribuídas (uma em cada local) nos seguintes pontos: Escola Estadual Maria Goretti, Escolas Municipais Marcos Adriano Issler, Manoel Francisco de Oliveira e Paulo Freire; Hospital Municipal, Unidade Básica de Saúde (UBS), Laboratório Municipal, Prefeitura e Estação Rodoviária. Faça sua doação nestes locais.

Projeto Não Automedicação05Laodicéia na abertura da palestra

Qual a destinação dos medicamentos recebidos pela campanha?

Você pode devolver medicamentos que não esteja usando, dentro do prazo de validade ou mesmo vencidos. Os medicamentos ainda válidos serão administrados pelo farmacêutico Marlon e usados no atendimento à população. Por sua vez, os remédios vencidos serão incinerados, eliminando-se o risco do consumo por descuido.

Projeto Não Automedicação06O médico Carlos Henrique falou para numerosa plateia

Palestra

Na noite da mesma sexta-feira (29) o médico Carlos Henrique Covati Coelho (clínico), com presença da enfermeira Laodicéia, proferiu palestra na Câmara Municipal enfatizando os perigos da automedicação e o risco de bactérias desenvolverem resistência devido a doses ou medicamentos errados. Participaram alunos e professores da Escola Municipal Manoel Francisco de Oliveira e da Escola Estadual Maria Goretti, além de pessoas da população.

 

Na sequência, slides apresentados por Carlos Henrique na palestra:

Projeto Não Automedicação07 

Projeto Não Automedicação08

Projeto Não Automedicação09

Projeto Não Automedicação10

Projeto Não Automedicação11

Projeto Não Automedicação12

Projeto Não Automedicação13

Projeto Não Automedicação14

Projeto Não Automedicação15

Projeto Não Automedicação16

Projeto Não Automedicação17

Texto e Fotos: Anfrízio Santana – Jornalista – MTb-SP: 59.957 (69) 3466-1122 ou 8107-0775 – Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. – Assessoria de Comunicação – Prefeitura Municipal de Nova União – RO